TOLEDO, EDILENE TERESINHA. “O amigo do povo”: grupos de afinidade e a propaganda anarquista em São Paulo nos primeiros anos deste século.
Article mis en ligne le 16 de Outubro de 2003
dernière modification le 29 de Março de 2004
logo imprimer
Enregistrer au format PDF

Orientador: Claudio Henrique de Moraes Batalha. Data da defesa: março 1994. IFCH

RESUMO

O trabalho visou compreender alguns aspectos da experiência anarquista em São Paulo nos primeiros anos deste século entendendo-acomo parte da história dos movimentos operário e socialista. Investigou-se uma dimensão própria da ação anarquista através do estudo de grupos anarco-comunistas que tinham uma concepção diferenciada da estratégia a ser seguida. O estudo concentrou-se em um jornal - O Amigo do Povo - que permitiu vislumbrar a grande complexidade que envolveu as opções e atuações dos anarquistas e suas relações com grupos de outras tendências. Objetivou refletir também sobre o tratamento dado pela historiografia ao tema do anarquismo bem como sobre as relações dos militantes anarquistas com a nascente classe operária. No que se refere aos grupos procurou-se apresentar e compreender suas atividades, os temas apresentados na imprensa, como eram constituídos, quais suas inspirações teóricas, seus objetivos e estratégias. Aspecto essencial foi compreender também suas relações com os sindicatos e os esforços de educação e propaganda. Acredita-se que a micro-análise desse caso delimitado pôde revelar problemas de ordem mais geral.

Arquivo Edgard Leuenroth


pucePlan du site puceContact puceEspace rédacteurs RSS

2003-2019 © RAForum - Tous droits réservés
Haut de page
Réalisé sous SPIP
Habillage ESCAL 4.1.4